Plano de Formação
Na sequência do plano de formação efectuado pela Associação, com a colaboração de alguns dos seus Associados, e após as visitas às Administrações, e envio do mesmo para o IPTM, surgiu agora a fase em que, após várias consultas junto da ENIDH, se conseguiu definir forma académica e custos.
O curso de reciclagem, a ser feito durante um período de 5 e renovado após novo período, de acordo com ETCS e Res. A960 da IMO, não contém a parte relativa aos modelos tripulados, pois é impossível fazê-lo na Escola Nautica, bem como, o que diz respeito às normas e regulamentos especificos do porto, bem como as suas caracterisitcas, que claro está devido à sua especificidade, deverãos ser feitos nos próprios departamentos.
Houve uma ligeira reestruturação na forma inicial, de modo a que se conseguissem obter os certificados STCW, no que diz respeito ao BRM, ECDIS e ISPS.
Depois de todos os pilotos terem obtido esta fase de formação, poderemos avançar para a segunda fase do ETCS, cumprindo como é óbvio com a Res. IMO, melhorando assim a nossa prestação.
O curso deverá ser pro-activo, de modo a se conseguir alcançar os objectivos mais rapidamente, e motivando os participantes, deverá estar portanto sujeito a contínua avalaição dos pilotos, visto não haver experiência por parte da ENIDH, e de nós próprios no que diz respeito a este tipo de formação.
A proposta apresentada pela ENIDH encontra-se na área reservada em "Formação"

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA