Empresa dinamarquesa ganha dragagens em Leixões e em Viana do Castelo

A APDL – Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo adjudicou a empreitada de dragagens de manutenção dos fundos marítimos nos portos de Leixões e de Viana do Castelo à dinamarquesa Rohde Nielsen, num acordo de 4,9 milhões de euros.

A Rhode Nielsen ganhou o concurso ao qual concorreram também a Dravo e a Alexandre Barbosa Borges.

Ao Diário Económico, fonte da APDL referiu que a empreitada "tem como objectivo a manutenção dos fundos à profundidade adequada para que os navios continuem a conseguir escalar estes portos em condições de segurança”.

“O critério de adjudicação do procedimento pré-contratual foi o da proposta economicamente mais vantajosa, devidamente ponderada pelos factores de avaliação – ‘Condições Mais Vantajosas de Preço’ (60%) e ‘Garantia de Boa Execução dos Trabalhos’ (40%)”, explicou a mesma fonte oficial da APDL.

Os trabalhos terão de ser desenvolvidos ao longo dos próximos 36 meses (três anos), ou seja, terão de estar concluídos antes do final de 2018.

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA