Movimento de mercadorias nos portos nacionais cresceu 15% em 2013

Segundo os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), o movimento de mercadorias nos portos nacionais chegou aos 78,2 milhões de toneladas, valor que representa um aumento de 15,1% face ao ano anterior, invertendo a desaceleração verifcada em 2012.O valor de 2013 foi mesmo um recorde nos últimos 10 anos.

O INE revela que o crescimento "ocorreu principalmente nas saídas, que registaram um incremento de 24,3%, atingindo 33,0 milhões de toneladas. Observou-se igualmente um acréscimo de 9,3% nas mercadorias entradas, num total de 45,3 milhões de toneladas".

Segundo detalha o relatório com as 'Estatísticas dos Transportes', as mercadorias em tráfego internacional representaram 84,3% do total movimentado em 2013, alcançando 66,0 milhões de toneladas (+17,1%).

A uma larga distância dos restantes, «Sines esteve em evidência, tendo registado 30,8 milhões de toneladas provenientes e/ou destinadas a portos estrangeiros (+28,8%), a par de acréscimos em outros portos do Continente, nomeadamente em Lisboa (+8,8%), Setúbal (+19,1%), Aveiro (+21,4%) e Figueira da Foz (+12,0%).

O transporte de mercadorias em veículos rodoviários pesados pouco oscilou em termos de toneladas transportadas em 2013 (-0,1%) mas com distâncias superiores, resultando em +22,9% nas toneladas-quilómetro.

As mercadorias por transporte ferroviário totalizaram 9,3 milhões de toneladas e diminuíram 4,2% face a 2012. Contudo, as mercadorias em tráfego internacional aumentaram 25,8%, tendo alcançado 1,4 milhões de toneladas.

Cargonews online

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA