Porto de Lisboa movimentou 5% mais nos granéis líquidos até ao final de Maio
O Porto de Lisboa movimentou mais 5% no segmento de granéis líquidos (combustíveis) entre o início do ano e ao final do mês de Maio, comparativamente com igual período do ano anterior.

De acordo com um comunicado divulgado pela APL - Administração do Porto de Lisboa, o terminal multiusos do Poço do Bispo, o terminal de combustíveis do porto dos Buchos, o terminal de granéis líquidos do Barreiro e o terminal de combustíveis da Banática, foram as infra-estruturas portuárias que contribuíram para este aumento da movimentação neste segmento de actividade, com 321%, 45%, 26% e 16%, respectivamente.

O porto da capital, liderado por Marina Ferreira, dispõe de vários terminais para a movimentação de granéis líquidos. De acordo com o referido comunicado, "estes [terminais] são especializados neste segmento de mercadoria, destacando-se neste tipo, os produtos petrolíferos e os óleos alimentares".

NL APP

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA