Portos de Aveiro e Figueira da Foz com o melhor registo de sempre em mercadorias
Os portos de Aveiro e da Figueira da Foz tiveram, em 2013, o melhor registo de sempre em mercadorias movimentadas, anunciou hoje a administração dos dois portos.

O Porto de Aveiro "suplantou o recorde verificado em 2010", registando quase quatro milhões de toneladas de mercadorias movimentadas, o que significa um "crescimento de 19,7% em relação a 2012".

O movimento ferroviário "foi um dos grandes impulsionadores do porto, com um movimento de 613 mil toneladas", apresentando uma taxa de crescimento anual "na ordem dos 45%".

O Porto da Figueira da Foz suplantou, pela primeira vez, os dois milhões de toneladas de mercadorias movimentadas, em 2013, crescendo 16,6% face a 2012 e 27% em relação a 2011.
Na ligação ferroviária ao porto um movimento de 106 mil toneladas.

A exploração da ligação ferroviária no Porto de Aveiro estreou-se em março de 2009, sendo que a modernização dos troços ferroviários entre Aveiro e Vilar Formoso é um dos 30 projetos prioritários para o investimento em obras públicas presentes na lista entregue ao Governo, a 27 de janeiro, pelo grupo de trabalho para as infraestruturas de elevado valor acrescentado.

Nesse mesmo relatório, estão também previstas intervenções no porto de Aveiro, com vista a melhoria das infraestruturas marítimas, criação de condições de acesso a navios de maior dimensão, expansão da plataforma logística de Cacia e ainda a melhoria das condições operacionais e reforço dos interfaces ferroviários.

O Porto da Figueira da Foz também surge na mesma lista de 30 projectos prioritários definida pelo grupo de trabalho, prevendo-se um investimento no alargamento da barra, do canal de acesso ao porto e da bacia de manobras, de forma a poder receber navios de maior dimensão.

NL APP

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA