2014 será um ano de crescimento para os Cruzeiros em Leixões
O ano 2013 fechou com 67 escalas navios de passageiros, o que correspondeu a 46.620 passageiros e 24.000 tripulantes a passar pelo Porto de Leixões.

O decréscimo que se verificou quando comparado com o excepcional ano de 2012, ficou a dever-se, fundamentalmente, à recepção de navios de menor dimensão. Em 2012 a dimensão média dos 70 navios de cruzeiros que escalaram o porto de Leixões foi de 202m e 44.800 GT, enquanto que em 2013 estes valores baixaram para 182m e 30.730 GT (-31%). Assim, apesar do decréscimo no número de navios não ter sido significativo, 4%, a descida foi mais significativa no volume de passageiros, na ordem dos 38%, ao passar de 75.613 passageiros em 2012, para 46.620 passageiros, em 2013.

A baixa no movimento de cruzeiros em Leixões, neste ano, acompanha a tendência de baixa generalizada dos Cruzeiros em Portugal e Espanha.

A acrescer a esta tendência, o ano 2013 foi marcado, no Porto de Leixões, pelos trabalhos de construção do novo edifício do Terminal de Cruzeiros, no Molhe Sul, cuja inauguração está prevista para o segundo semestre de 2014.

Escalaram pela primeira vez o porto de Leixões, os navios Costa Pacífica da Costa Crociere, o Europa 2 da Hapag Lloyd, o Club Med da Club Mèditerranée, o Le Soleal, da Compagnie des Iles du Ponant, em viagem inaugural e o Celebrity Infinity, da Celebrity Cruises.
Apesar deste decrescimo, o ano 2013 inscreve-se na curva de crescimento que tem vindo a ser registado desde a abertura do novo cais, e orientado para a consolidação do movimento de cruzeiros em Leixões.

Em 2014, ano em que a nova estação de passageiros de cruzeiros entrará em funcionamento, as previsões apontam para um novo período de crescimento. Prevê-se a escala de 90 navios de Cruzeiro, no porto de Leixões, o que representará mais de 82 mil passageiros e de 40 mil tripulantes.

Novas Companhias de cruzeiros e novos navios iniciarão operações em Leixões. Prevemos receber, pela primeira vez no porto de Leixões duas importantes companhias, a Aida Cruises e a Tui Cruises. Ambas a operar no mercado alemão. Outras companhias irão aumentar significativamente as suas escalas. A Costa Crociere passa da escala única anual para 5 escalas em 2014, a P&O aumenta para 7 escalas quando no ano anterior apenas registou 3, a Oceana e a Hollanda America Lines aumentam de 3 para 4 escalas. A Empresa Portuguesa Portuscale Cruises, empresa que iniciou atividade em 2013 com a compra e reconstrução de quatro navios de cruzeiros, dos quais se destaca o emblemático FUNCHAL, escalou uma vez Leixões, no inicio da sua atividade e tem 8 escalas previstas no próximo ano.

Os navios que farão as suas escalas inaugurais em Leixões são o Aida Luna, a 1 de Abril, o Mistral, recentemente adquirido à Iberocruceros pela Costa Crociere, a 10 de Maio, o Horizon, da Pulmantur, a 2 de Junho, O Mein Schiff3, da Tui Cruises, em viagem inaugural, passará por Leixões a 18 de junho, o Mein Schiff1 a 27 de setembro.

A grande concentração de escalas deverá ocorrer em Maio (20 navios) e em Setembro (23 navios). Dos navios previstos, 41 terão dimensão acima dos 200m e, destes 13 terão mais de 250m. Estão previstas 45 escalas na Doca 1 Norte em Leça da Palmeira e outras 45 no novo Terminal de Cruzeiros, em Matosinhos.

No Ano 2014, prevê-se que o mercado de cruzeiros responda positivamente à estratégia desenvolvida pela APDL na afirmação internacional do Porto de Leixões como um porto de cruzeiros.”

NL APP

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA