Cruzeiros: Porto de Lisboa atinge novos recordes
No ano de 2013, o porto de Lisboa chegou a novos recordes na atividade de cruzeiros, com 353 escalas e 558.040 passageiros, superando as 330 escalas contabilizadas em 2011 (o melhor ano em termos de escalas) e os 522.604 passageiros registados em 2012.

 Este foi assim o melhor ano de sempre da atividade de cruzeiros no Porto de Lisboa, com um crescimento de 12% ao nível das escalas, e de 7% ao nível dos passageiros, quando comparados com as 314 escalas e os 522.604 turistas contabilizados no ano anterior.

 Em termos de escalas o aumento foi impulsionado quer pelo incremento de 81% das escalas consideradas de interporting, que contabilizou um total de 47 escalas, o maior número de sempre, contra as 26 registadas em 2012, quer pelo aumento de 45% das escalas em turnaround, que cresceram de 44 para 63.

 O crescimento destes dois segmentos contribuiu para que o número de passageiros em turnaround aumentasse 16% – passando de 44.006 para 50.834 – facto que, associado à variação positiva de 6% dos passageiros em trânsito, que transpõem pela primeira vez a barreira do meio milhão de passageiros (507.206), justifica o aumento do número total de passageiros.

 Ainda no que diz respeito às escalas, as 353 escalas foram realizadas por um total 120 navios de cruzeiro, o que constitui, também, um novo recorde já que é o maior número de sempre de navios que escalaram o Porto de Lisboa.

 Neste contexto, importa ainda referir que, em 2013, o Porto de Lisboa recebeu 16 navios em primeira escala, dos quais 4 eram novos, ou seja, saídos de estaleiro durante o ano de 2013, o que reforça a importância crescente que o porto da capital tem vindo a assumir na inclusão dos itinerários da nova frota dos diferentes operadores.

 De salientar, ainda, os tripulantes dos navios que visitaram Lisboa que em 2013 totalizaram 232.496, logo, mais 10% face aos 211.546 registados em 2012.

“É para nós um enorme orgulho e satisfação assistir ao reforço da boa performance do Porto de Lisboa e à sua consolidação e afirmação no negócio de cruzeiros de uma forma sustentável”, refere a Administração do Porto de Lisboa.

 Para além disso, reforça ainda que “o ano de 2014 ficará marcado pela mudança no modelo de gestão da atividade de cruzeiros no Porto de Lisboa. Assim, esta gestão passará a ser da responsabilidade de um gestor privado, através do modelo de concessão, prevendo-se um contínuo esforço da APL na promoção do seu porto, e da cidade de Lisboa como destino turístico, em articulação com o novo gestor, tirando-se, assim, partido das sinergias óbvias que resultarão deste trabalho conjunto de forma a tornar o Porto de Lisboa um porto de excelência e um exemplo do state of the art neste segmento.”

Cargonews online

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA