Porto de Lisboa ultrapassou os 7 milhões de toneladas até julho
Entre janeiro e julho deste ano, o porto de Lisboa movimentou 7,1 milhões de toneladas de mercadorias, o equivalente a uma média mensal superior a 1 milhão de toneladas.

Os principais contributos vieram dos segmentos de mercado estratégicos para o porto: a carga contentorizada, que representa 47% do total de mercadorias, e os granéis agro-alimentares, que representam perto de 30%. Este último regista um crescimento de 1% nos valores acumulados, com um total de 1,9 milhões de toneladas movimentadas.

Relativamente aos valores acumulados dos terminais que movimentam granéis sólidos - o Terminal Multiusos do Beato, o Terminal Multiusos do Poço Bispo, o Terminal da Cimpor e o Terminal de Granéis Alimentares de Palença - tiveram forte crescimento, com mais 90,9%, 13,3%, 69,3% e 28,3%, respetivamente.

No que se refere ao tráfego de granéis líquidos, a Estação de Assistência Naval do Porto de Lisboa aumentou 20,6%, o Terminal de Granéis Alimentares de Palença cresceu 19,8% e o Terminal do Barreiro subiu 55,7%.

Nos contentores, tanto o Terminal de Contentores de Santa Apolónia como o Terminal de Contentores de Alcântara tiveram valores de tráfego de quantidade de contentores superiores ao período homólogo em 2012.

De janeiro a julho, o Porto de Lisboa registou 1647 navios entrados a que correspondeu um gross tonnage - GT de 26,6 milhões, ou seja mais 1,7% comparativamente com igual período de 2012. No segmento dos navios de carga contentorizada, verificou-se um crescimento de 7,3% no GT, os quais (817) representaram cerca de 50% do total.

Cargo News Online

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA