Governo quer Porto de Aveiro nos novos fundos de Bruxelas
O Governo português está a tentar junto das instâncias de Bruxelas que o porto de Aveiro integre a rede prioritária de portos comunitários que Bruxelas está a desenhar no âmbito do projecto do plano de investimentos anunciado na passada quinta-feira para o sector portuário comunitário, a aplicar a partir de 2014, inserido no novo Quadro Comunitário de Apoio, que deverá vigorar até 2020.
Segundo esse programa, que ainda não tem valores de investimento publicamente conhecidos, os portos de Lisboa, Leixões e Sines já estão inseridos, mas Sérgio Silva Monteiro está a tentar incluir o porto de Aveiro no pacote de apoios financeiros a aprovar.

NL APP

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA