Sines supera os 48.000 TEU em janeiro e oferece novo serviço direto via Canal do Panamá
A 6 de Fevereiro de 2012, teve início o “California Express”, um novo serviço regular que liga o Porto de Sines diretamente à costa Oeste da América do Norte, através do Canal do Panamá, tocando portos dos Estados Unidos da América e terminando em Vancouver, no Canadá.

Este serviço utiliza navios com capacidade superior a 5.000 TEU e dimensões que permitem atravessar o Canal do Panamá, sendo operado pela MSC - Mediterranean Shipping Company, o segundo maior operador mundial de transporte marítimo de contentores e principal cliente do Terminal XXI do Porto de Sines. O primeiro navio incluído neste serviço a escalar Sines é o porta-contentores “CSAV Brasília”, com capacidade para 5.301 TEU, apresentando um comprimento de 294,1 metros e um porte bruto de 65.710 toneladas.

O início deste ano foi globalmente positivo para o Porto de Sines, e particularmente, para a movimentação de contentores no Terminal XXI, que, em Janeiro, registou um novo máximo de 48.187 TEU.

O crescimento sustentado desta infraestrutura tem assentado na consolidação dos tráfegos de ligação a economias mundiais com elevados índices de crescimento, casos da República Popular da China e do Brasil, associado aos grandes países consumidores do globo, como os Estados Unidos da América e Canadá, apostando no desenvolvimento de novos serviços, como é o caso das recentes ligações ao Uruguai e Argentina, a que se associa agora o novo serviço direto à costa Oeste da América do Norte.

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA