Portos de Leixões e Viana entre os directamente beneficiados com o Porto-Vigo

 
Luís Simões  com uma nova plataforma de 7.500 metros quadrados em Espanha

A Luís Simões España abriu em Sevilha, província da Andaluzia, uma nova plataforma com uma superfície de 7.583 metros quadrados, dotada de 14 cais de carga, situada no Polígono Industrial Carretera de la Isla de Dos Hermanas. Estas instalações estão dotadas de uma câmara de refrigeração com temperatura controlada.

A actual capacidade de armazenagem é de 10.000 europaletes, contando com capacidade de expansão futura. Apesar de recentes, estas instalações já têm uma taxa de ocupação de 55%, e um movimento de 300 toneladas/dia.

A linha Porto-Vigo, que terá conexão com o aeroporto Francisco Sá Carneiro e os portos de Leixões e Viana do Castelo, está orçada em 950 milhões de euros. Será construída de forma faseada, para entrar ao serviço em 2013, com o primeiro troço, entre Braga e Valença, a ser lançado durante o primeiro trimestre de 2009. Trata-se de uma nova linha, construída em bitola europeia, para tráfego misto. A ligação ferroviária Braga-Guimarães é uma possibilidade em cima da mesa, como eixo ferroviário complementar ao traçado da Alta Velocidade.
Esta ligação poderá ainda significar a revitalização do porto de Viana do Castelo, que nos últimos anos tem vindo a registar uma diminuição no volume de carga movimentada, passando de um milhão, em 2002, para aproximadamente 561 mil toneladas, em 2006.
Cargo News Online 436  

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA