Serviço SILK estreia-se em Sines
Pela primeira vez, um segundo serviço de ligação da Europa com o Extremo Oriente passa hoje por Sines. Como é sabido, Sines está ligado semanalmente com aquela região do mundo através do Lion Service, tocando os portos de Qingdao, Pusan, Ningbo , Shangai, Nansha, Hong Kong, Yantian, Chiwan e Singapura.
Face ao recente disparo de acréscimo de carga entre Sines e o Extremo Oriente, tornou-se necessário recorrer ao serviço SILK para dar escoamento ao enorme volume de contentores. Tratou-se do navio MSC Laurence, com uma capacidade de 12.400 TEU, que utilizou Sines como plataforma giratória de carga entre a Europa e América do Norte (costa atlântica) com o Extremo Oriente.
O serviço SILK, no Extremo Oriente, toca os seguintes portos: Ningbo, Shanghai, Xiamen, Hong Kong, Yantian e Singapura.
Recorde-se que está previsto ainda este mês o inicio do serviço directo de Sines com o Brasil, o que virá ainda mais reforçar o papel que Sines representa enquanto porto de águas profundas, capaz de receber os maiores navios em operação no mundo. Para além do negócio de transhipment entre estes gigantes dos mares, que só com Sines é possível ter em Portugal, a economia nacional fica, assim, ligada directamente aos principais mercados internacionais, eliminando a lógica de dependência de ligações por feedering a outros portos grandes para chegar aqueles mercados.
 
 
Site APS

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA