Porto de Sines servido pelos portos do Mediterrâneo durante expansão do Terminal XXI
A MSC (Mediterranean Shipping Company), principal armador a operar no terminal de contentores no Porto de Sines, anunciou que irá proceder, no 2º trimestre, a uma reestruturação dos serviços que ligam o Extremo-Oriente, ao Mediterrâneo e Norte da Europa, passando Sines a ser servido através dos portos do Mediterrâneo.

Esta reestruturação coincide com o início dos trabalhos da empreitada de ampliação do molhe leste em 400 metros, que inclui o aprofundamento do canal de entrada para a batimétrica Zh = (- 17) metros, da responsabilidade da APS, implicando alguma limitação temporária na manobra para os navios de maior capacidade a operarem no terminal, facto que irá ser aproveitado para se garantir uma maior eficiência nos trabalhos.

Ao mesmo tempo, a PSA Sines irá garantir a aceleração das obras do terminal que estão em curso e que envolvem, em termos de construção civil, a ampliação do cais em 350 metros (para um total de 730 metros), a ampliação da área de armazenagem de contentores em 5 hectares e, ainda, o aumento do número de pórticos de cais para 6. Em termos globais, o investimento previsto da PSA Sines nesta fase de desenvolvimento do Terminal XXI é de cerca de 78 Milhões de Euros e, no caso da APS, o investimento previsto é de cerca de 40 milhões de euros.

A reestruturação de serviços, encetada pela MSC, constitui também uma oportunidade para a reestruturação da oferta do Terminal de Contentores do Porto de Sines (Terminal XXI) que, após as obras de ampliação em curso, estará em melhores condições para se abrir a novos armadores e a novos portos de origem e de destino.

MSC explica as alterações ao Lion Service
A MSC lançou um comunicado ao fim da tarde em que refere que, "devido às presentes condições de mercado do Norte da Europa, (...) decidiu reestruturar os seus serviços de/para o Extremo Oriente, de forma a melhor servir aquele mercado", pelo que "as escalas do Lion Service em Sines (east & westbound) serão omitidas. Westbound a partir de Abril e eastbound a partir de Maio. Continuaremos, no entanto, a assegurar um excelente tempo de trânsito para Sines (via Valência | Dragon Service) e para Leixões (via Antuérpia | Silk Service) com as diferentes ligações semanais a estes HUB’s que hoje oferecemos".

A empresa de Carlos Vasconcelos refere que os novos routings destes serviços no que respeita a Portugal são, quanto ao Dragon Service: Dalian, Xingang, Busan, Qingdao, Ningbo, Shanghai, Yantian, Hong Kong, Chiwan, Singapura, Gioia Tauro e Valência (T/S); o Silk Service faz: Ningbo, Shanghai, Xiamen, Hong Kong, Chiwan, Yantian, Singapura e Antuérpia (T/S).

Cargo news 939

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA