Molhe norte da barra do porto da Figueira da Foz é hoje inaugurado
É hoje inaugurado, na presença de António Mendonça, o prolongamento em 400 metros do molhe norte do porto da Figueira da Foz, empreitada que orçou em 14,6 milhões de euros.
A obra, há muito desejada pelos agentes económicos ligados à atividade comercial do porto da foz do Mondego, incluiu a dragagem de estabelecimento de um canal de navegação com início na nova cabeça do molhe, com um comprimento de cerca de 1000 metros e fundos à cota entre -8 e -7 m ZH e, e a instalação de um farolim de sinalização na nova cabeça do molhe.
Inseridas no conjunto de projetos destinados à melhoria das acessibilidades marítimas estão também as dragagens da entrada da barra, dos canais de navegação interiores e bacias de manobras do Porto da Figueira da Foz (2009, 2010 e 2011). No seu conjunto, estas obras orçaram em 2,3 milhões de euros.
O prolongamento do terminal de granéis sólidos (investimento de 3,6 milhões de euros), a valorização do cais comercial e reformulação do acesso à nova portaria (2,9 milhões de euros), e a reabilitação dos equipamentos afetos ao cais comercial (2,1 milhões de euros), integram outro conjunto de projetos com grande significado, aqui destinados à melhoria das condições operacionais do cais comercial.
Este conjunto de investimentos, tendente à oferta de um “Porto Novo” na Figueira da Foz, abrange ainda o porto de recreio, que sofreu obras de ampliação e de requalificação no montante global de 1,1 milhões de euros.

Cargo news 926 - 21.02.011

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA