Protocolo CP Carga/ Comunidade Portuária de Lisboa/APL para colocar carga nos carris
A Administração do Porto de Lisboa, a Comunidade Portuária de Lisboa e a CP Carga – Logística e Transportes Ferroviários de Mercadorias S.A. assinaram hoje, dia 20 de outubro, um protocolo de cooperação para a construção de soluções logísticas terrestres, de base ferroviária, que visa reforçar a competitividade do porto de Lisboa no espaço europeu, sobretudo ibérico.
 Para estas três entidades, trata-se de potenciar um crescimento considerável de fluxos marítimos, que lhes permita alcançar ganhos por acréscimo de atividade sustentada. Com recurso à multimodalidade, na sua expressão de maior amplitude económica (marítimo/ferro/rodoviária), o protocolo pretende potenciar e reforçar a capacidade de Portugal como país exportador de logística.
 Paralelamente, no plano ambiental, considerando apenas os efeitos na Grande Lisboa, a ampliação das oportunidades para os fluxos marítimos/ferroviários - que de acordo com o objetivo desta cooperação, está prevista duplicar dentro de um ano - vai permitir retirar da circulação urbana cerca de 40 000 camião/ano e garantir que a nova procura será integralmente acolhida em soluções terrestres de base ferroviária, perspetivando-se que no primeiro ano atinja um ritmo de 500 000 tons, com crescimentos anuais, na ordem dos 20% nos primeiros cinco anos.
 O protocolo foi rubricado por Natércia Cabral, presidente da APL, José Luís Henriques, presidente da CPL e Rocha Soares, presidente da CP Carga.
 
cargo news 483

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA