Rebocadores vão reduzir congestionamento de navios em Luanda
O porto de Luanda tem mais três rebocadores, pertença da Empresa de Pilotagem Norte-Sul e Serviços (Epinosul). O processo de atracagem e saída de navios passa a ser mais célere.
Os rebocadores foram apresentados na passada quinta-feira, em Luanda. A aquisição destas embarcações de reboque facilita o processo de atracagem e saída e reduz, significativamente, o tempo de espera dos navios ao longo da costa e particularmente as vias de acesso adjacentes ao porto de Luanda. Custaram sete milhões de dólares norte-americanos, sendo uma delas nova (de origem espanhola) enquanto as outras duas, provenientes de Portugal, são já usadas.
A Epinosul é associada da Intertransports Centre Angola e prestarão serviços de reboque de e para os diversos cais do porto de Luanda, abastecimento de água aos navios de grande porte e transporte de tripulações.

Cargo News 751

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA