TRANSPORTE DE MERCADORIAS NOS PORTOS SOBE PELO 6.º ANO CONSECUTIVO


O transporte de mercadorias nos portos nacionais voltou a crescer em 2015, pelo sexto ano consecutivo, acima do ano anterior, aumentando 7,7% para 86,9 milhões de toneladas, revelou esta quarta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

As Estatísticas dos Transportes e Comunicações 2015 mostram terem sido carregadas nos portos 36 milhões de toneladas (mais 4,5% do que em 2014) e descarregadas 50,9 milhões de toneladas (mais 10%), resultando num aumento (total) superior ao crescimento de 3,2% registado em 2014.

 

O tráfego internacional (75,9 milhões de toneladas) correspondeu a 87,4% do total (mais 1,8 pontos percentuais -- p.p.).

Destacou-se o Porto de Sines (50,2% do movimento internacional), com 38,1 milhões de toneladas (mais 20,8%), enquanto o Porto de Leixões assegurou 18,9% do tráfego internacional (14,3 milhões de toneladas, mais 4,5%) e a Lisboa coube 11,9% do movimento internacional (9,0 milhões de toneladas, menos 1,2%).

O movimento de mercadorias nos portos nacionais atingiu 86,9 milhões de toneladas em 2015, aumentando 7,7% e superando o resultado do ano anterior (mais 3,2%), quando os portos foram responsáveis pelo transporte de 80,7 milhões de toneladas de mercadorias.

O transporte fluvial foi utilizado por 18,9 milhões de passageiros, correspondendo a um aumento anual de 2,8%.

© APIBARRA 2007 - Todos os direitos reservados   |   Produzido por ETNAGA